Juro nem sempre é refúgio seguro

Com a elevação das taxas de juros no Brasil, o investidor brasileiro parece ter voltado à era da acomodação. Acomoda-­se em fundos DI e renda fixa conservadores, acreditando que é a melhor forma de proteger seus investimentos. Estudos estatísticos e históricos de crises passadas demonstram que o investidor que diversifica é o que se sai … Continuar lendo Juro nem sempre é refúgio seguro

Juro real alcança maior nível desde 2008

Desde a retomada do ciclo de aperto monetário em outubro do ano passado, o juro real subiu de 5,39% para 7,65%, maior nível desde dezembro de 2008. Essa taxa, obtida pela diferença entre o contrato de "swap" com prazo de 360 dias e o IPCA projetado doze meses à frente, está acima do ponto chamado … Continuar lendo Juro real alcança maior nível desde 2008

NTN-B a 14,3% ilustra preço da credibilidade

Os dados divulgados ontem pelo Tesouro Nacional ilustram claramente o custo provocado pela combinação de elementos como inflação alta, riscos fiscais e políticos a que o governo está exposto e necessidade do Banco Central retomar a credibilidade. Mais uma vez, o custo médio da dívida mobiliária emitida em abril subiu e alcançou 12,42% ao ano, o maior nível … Continuar lendo NTN-B a 14,3% ilustra preço da credibilidade

Mercado já revê projeção para Selic

O tom mais duro do diretor de política econômica do Banco Central, Luiz Awazu Pereira, nas reuniões com economistas realizadas nesta semana parece ter convencido o mercado de que a autoridade monetária está determinada a buscar o centro da meta de inflação, de 4,5%, em 2016. Essa leitura reforçou as apostas na continuidade do ritmo de aperto monetário … Continuar lendo Mercado já revê projeção para Selic

Alta do juro não acabou

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central procurou transmitir a mensagem, em ata de sua ultima reunião, divulgada ontem, que os resultados no combate ao avanço de preços na economia são insuficientes e que ainda existe trabalho a ser feito pela política monetária. O mote da autoridade monetária é manter a "determinação" e "perseverança". O Valor apurou que, na … Continuar lendo Alta do juro não acabou